Fandom “E.L.F.” (Ever Lasting Friends)

“Você não precisa ser E.L.F. desde o começo, só precisa ser E.L.F. até o fim” (SiWon)

Se você é novo ou não no tema Super Junior, certamente já viu e ouviu em diversos lugares o termo “E.L.F.”

O Super Junior possui seu fandom (conjunto de fãs) oficial chamado E.L.F., uma sigla para “Ever Lasting Friends”, traduzido como “Amigos Eternos” ou “Amigos Para Sempre”.

O grupo debutou no dia 06 de Novembro de 2005 e sete meses após sua estreia, nomearam as pessoas que o seguiriam o fandom para sempre como E.L.F. em 2 de junho de 2006.

E.L.F. é o segundo maior fandom da Coreia e um dos mais influentes e participativos do K-pop, ficando atrás apenas do “Cassiopeia”, fandom oficial do DBSK/TVXQ. Sua cor oficial é a Azul Safira Perolado, cor usada pelos fãs em balões, lighsticks (bastões de luz ou lanterninhas), banners e em outros itens nos concertos, o que é conhecido como o “Sapphire Blue Ocean”.

Segundo o líder LeeTeuk, a escolha do nome foi do grupo a partir de algumas opções dadas pela SM Entertainment. Ele explicou a escolha dizendo: “Como sabemos das lendas, ELF (elfos) são criaturas lindas como fadas. Eles são bonitos, e sempre trazem felicidade. Porque eu percebi que essas pessoas que vemos agora, que sempre fazem um oceano azul safira, que é a coisa mais bonita, são como elfos nas lendas. Elas também são bonitas, sempre nos trazem felicidade sempre nos protegem. Então eu as nomeei de E.L.F.. Agora essas pessoas são tantas e fazem oceanos tão grandes que são tão lindos, é a coisa mais bela de todas. Mesmo que nós não conheçamos todos, nós sabemos que estão sempre lá, onde quer que vamos, e eu os amo. Essas criaturas são E.L.F., nossos Ever Lasting Friends.”

No início, era possível se tornar um membro do fã clube diretamente pela SM Entertainment pagando uma taxa de associação, mas a muito tempo isso já não é mais possível. Porém, todos as pessoas que se consideram fãs de Super Junior e sempre apoiam o grupo são consideradas E.L.F.


Não retirar do SUJUbr sem os devidos créditos.

Compartilhe