[SUJUbr na Coreia] Um diário ELF #02: Vimos o LeeTeuk no “Asia Song Festival”

Postado por Ju-Ninha no dia 15/11/17 em Diversos

Na segunda postagem sobre a nossa viagem até a Coreia do Sul vamos contar como foi assistir o “Asia Song Festival”, que teve o LeeTeuk como MC.

Asia Song Festival

No dia 24 de setembro foi a vez de ir ao concerto “Asia Song Festival 2017”, que tinha o LeeTeuk do Super Junior e o Jackson do GOT7 como MCs, além das performances do MAMAMOO, EXO, Dynamic Duo, Taeyeon, The East Light, e vários artistas de outros países asiáticos e da cantora sueca Zara Larsson (que deveria ser a grande atração da noite, mas que – sinceramente – ninguém conhecia).

Nós compramos os ingressos ainda no Brasil no site do Melon Global sem nenhum problema. Se você for para a Coreia e deseja comprar ingressos neste site, basta usar seu cartão de crédito internacional e imprimir os ingressos que serão enviados por e-mail. No local do show, você troca pelo ingresso que você vai apresentar na entrada.

Para ir de Seoul para Busan, nós pegamos o KTX, o trem bala que faz o trajeto em 02 horas. Andamos um pouco por Busan, fomos até um Shopping Lotte e depois seguimos para o Busan Asiad Main Stadium, local do “Asia Song Festival 2017”.

Quando chegamos próximo ao Busan Asiad Main Stadium, já vimos muitas barracas vendendo lightsticks (oficiais e não oficiais, a maioria não oficiais), banners, slogan (toalhas), cobertores, posteres, fan (aquele leque com a foto do idol), sacolas, calendários e mais, ou seja, todas aquelas coisas que K-popper ama (e se for como algumas de nós, tem dó de usar). Mesmo só com o LeeTeuk por lá, tinha lightstick do Super Junior vendendo em poucas barracas e compramos os nossos, além de comprar da Taeyeon e do EXO também afinal, somos SM Stan assumidas.

Quando chegamos mais perto dos portões de entrada, nós pudemos conferir como é a loucura dos fansites vendendo itens dos grupos: Venda de slogan, cards, fan, e outros, tudo na base de muita gritaria e muita gente aglomerada tentando comprar algo. E quando nós falamos gritaria é GRITARIA mesmo.

Nós vimos poucas pessoas com fan do LeeTeuk, mas não conseguimos encontrar o fansite que estava vendendo.

Como os nossos ingressos eram de cadeira numerada, esperamos a fila diminuir para entrar no estádio. Mas quando entramos, foi aquela sensação de “MEU DEUS ESTAMOS EM UM CONCERTO NA COREIA” (Essa sensação se repetiu outras 2 vezes quando formos ao “Kpop World Festival” e “Fandom School 2017 Korea Music Festival”. Como não teve Super Junior na line up não vamos fazer fanaccount destes concertos, mas acreditem, foram maravilhosos).

Como você devem ter visto em fotos e vídeos, o palco era enorme e muito iluminado. As pessoas seguiam para seus lugares aos poucos, enquanto músicas, MV e até mesmo vídeos especiais dos artistas que iriam participar do evento eram exibidos. Outro ponto curioso é que a entrada de câmeras não é proibida. Então as pessoas entravam com aquelas câmeras gigantes (com lentes que pareciam mais uma bazuca do que outra coisa) e tripés para gravar tudo em alta qualidade sem perder o foco do show e do movimento do lightstick.

A cada vídeo era uma gritaria e os fãs começavam a fazer os seus fanchants. Mesmo antes do show, os fãs começaram a balançar os seus lightsticks, todos sempre em um mesmo ritmo, formando aquele mar de luzinhas que a gente nunca imaginava fazer parte algum dia. Sem perceber, você também está lá balançando lightstick involuntariamente no mesmo ritmo. Vimos pouquíssimos lightsticks azuis por lá, mas o apoio ao LeeTeuk mesmo assim ficou registrado. Nós levamos uma bandeira e ficamos agitando nosso lightstick azul.

Uma coisa que a gente não imaginava é que os fãs gritam, cantam e agitam seus lightsticks para todos os artistas, independente do fandom. Os fãs coreanos não são “fechados no seu próprio fandom” com a gente imaginava. E isto não ocorreu apenas neste show, mas nos outros dois que nós fomos também.

O “Asia Song Festival 2017” começou com o MAMAMOO (com muito fã para assistir e gritar) e depois que as meninas deixaram o palco, foi a vez dos MC entrarem e apresentarem o evento. Ver o LeeTeuk sendo MC ao vivo é uma experiência única. Ele realmente é adorado e sabe fazer uma apresentação animada, atraindo a atenção de todos. Nós não falamos coreano (sabemos pouco), então a gente não sabia o que estava rolando na maior parte do tempo, mas uma das poucas coisas que conseguimos entender foi um momento hoobae e sunbae entre o LeeTeuk e o Jackson onde um elogiou o outro.

Em um momento um drone que filmava o concerto foi perto de nós e a gente ficou mostrando a nossa bandeira (que terá uma história muito importante em um outro post que faremos), uma bandeira do Brasil e os lightstick azul. Se passou durante a transmissão ou se mostraram para o LeeTeuk depois a gente não sabe, mas pelo menos mostramos nosso apoio para ele.

Após a apresentação da popular cantora japonesa Mika Nakashima, LeeTeuk a entrevistou, fazendo ela rir por diversas vezes e até mesmo cantou uma música dela.

O final do concerto foi a parte mais engraçada: LeeTeuk ficou até o último segundo falando sem parar. Ele desceu do palco falando no microfone, continuou falando enquanto andava e quando a gente não conseguia mais ver ele, ele ainda estava falando no microfone. Se tem uma coisa que a gente sabe é que o LeeTeuk ama ser MC e a gente pôde conferir de perto que isso realmente é fato.

O “Asia Song Festival 2017” foi exibido ao vivo pelo V live e você pode conferir concerto completo logo abaixo.

SUJUbr
Tags: , ,
Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *